NATAL ALLES BLAU BLUMENAU 2008


Motociclistas e Amigos de todo o Brasil.
Nos sentimos na obrigação de relatar a vocês o sentimento de ontem no desfile dos PHD´s na rua XV aqui em Blumenau, afinal, cada um de vocês que nos ajudaram, estiveram desfilando conosco. Espero que com poucas palavras abaixo, consigamos transmitir, por pouco que seja, a emoção sentida ontem por bravos 35 PHD´s: É muito difícil descrever o que todos nós estamos sentimos aqui em Blumenau neste final de ano.
Há pouco menos de 2 meses atrás, a cidade estava lindíssima, comércio, igrejas, pessoas, enfim, tudo sendo preparado para a festa máxima, comemorada todo final de ano.

De repente, em 24 horas, tudo muda.
Caos total, sujeita, encostas vindo abaixo, ruas fechadas, mansões e casebres caindo pelos morros, pessoas desalojadas, famílias inteiras expulsas de seus lares.
Poucas pessoas na rua naquela manhã, inundação, lama, mal cheiro.
Como num filme de ação, você olha e não acredita na cena que vê, e está tudo ali, bem na frente de seus olhos.Passados algumas horas ou alguns dias, começam a chegar as notícias que ninguém quer ouvir sim, são as notícias de mortes.
O que fazer?
Num misto de vontade, solidariedade, emoção, o Brasil se levanta!.
Começam campanhas a nível nacional de ajuda as vitimas.

Não se sabe quem, nem onde começou, muito menos como, mas a velocidade com que tudo foi montado, arrumado, despachado e entregue aos flagelados é algo que, também como num filme de ação, você olha e não acredita.
Reconstrução, Vamos nos reerguer, Força, Fé, Coragem, Determinação, são as palavras mais ouvidas nas ruas, praças, bares, cafés, lojas, empresas, famílias, corações.

Ninguém arreda pé.
Começa então o movimento enorme para liberar e trazer recursos financeiros necessários. Neste ponto, burocracia, demora, espera, promessas, visitas, discursos.... a coisa está andando, devagar, ainda não chegou nada, mas vai chegar.
"Natal Alles Blau Blumenau", também não se sabe quem, nem como, tudo começou.
Objetivo: daqui a 10 anos, ser a maior festa de Natal do Brasil !!!
A idéia era virar a página da tragédia, e abrir a página da reconstrução e da esperança. Novamente, um monte de gente envolvida, cada um organizando a sua parte.
Mais de 60 grupos organizados, e tudo começa a tomar forma como num enorme quebra cabeças. PHD na parada, Chico correndo para fazer roupas de papai noel, motos sendo enfeitadas, empresas convocando seus funcionários para o desfile na Rua XV, sim haverá um GRAAAAANNNNNDEEE desfile.

Participar ou não? Não seria uma demonstração de ostentação desfilar com nossas motos na rua XV neste momento? Será que todos iriam entender o propósito? Com capacete ou sem capacete? O desfile seria para mudar o astral do cidadão comum, caberia ao PHD, agradecer ao Brasil pela ajuda.

Não haveria missão mais nobre a ser executada, e a chamada foi geral, e a resposta ao chamado foi geral.

E não há nada melhor do que uma bandeira a tremular para demonstrar gratidão. Bandeiras afixadas, motos alinhadas, papais e mamães noéis devidamente paramentados. Tudo pronto. Primeiro carro a entrar na rua XV arrastava uma arvore, que foi retirada de dentro do rio e era o símbolo da destruição, como se ali, sozinha sendo arrastada, estivessem amarrados todos os sonhos, todas as vidas, todo o esforço de gerações que a lama levou embora. Choro geral na avenida.
Depois, vieram as equipes da reconstrução: CELESC, Prefeitura, Defesa Civil, Bombeiros, Médicos, Hospitais, Exercito, Policia Civil, Policia Militar, enfim, a turma que pegou pesado e trabalhou ininterruptamente para desobstruir as veias da cidade, algumas ainda entupidas.

Depois, como num passe de mágica, PHD´s com suas motos entram na rua. Musicas de natal, faróis acesos, ronco forte do motor, como representando a batida forte dos corações das pessoas ali postadas. Aplausos, alegria, choros, crianças, balas sendo jogadas, vovós, cadeirantes, humildes, ricos, todos em pé, aplaudindo a passagem do comboio com suas bandeiras tremulando. Á frente, uma bandeira do nosso Brasil e a frase que diz tudo o que o Blumenauense quer dizer neste momento: OBRIGADO BRASIL !!!!Se alguém tem dúvida de que a emoçao tomou conta de todos nós, não a tenha mais, pois tomou mesmo.

Se alguém achava que seria ostentação, esqueça, pois não foi.
Não entramos na avenida para mostrar nossas motos, muito menos o valor delas. Entramos na avenida para APLAUDIR aquele povo ali postado, entramos em RESPEITO a este povo, que com suas mãos, vão iniciar a reconstruir a cidade.

Meu amigo PHD de todo o Brasil, você que fez muito ou pouco, não importa neste momento, tenha a absoluta certeza de que você estava lá representado, seu estado estava lá representado. E, repetindo a frase escrita na Bandeira que caminhava á nossa frente, queremos dizer do fundo do nosso coração: OBRIGADO BRASIL !!!


PHD S.Pires
Blumenau 2008

*phd significa: Proprietários de Harley Davidson.

Comentários